Home / Saúde / Duas crianças internadas com meningite bacteriana no CTI do HPM de Macaé

Duas crianças internadas com meningite bacteriana no CTI do HPM de Macaé

A Prefeitura Municipal de Macaé informou em nota oficial que duas crianças estão internados com Meningite Bacteriana. Os dois casos foram confirmados na última quinta-feira. Os pacientes estão em tratamento  no Centro de Terapia Intensiva (CTI) pediátrico do HPM.

Se acordo com a Secretaria de Saúde de Macaé, todas as providências relativas à prevenção de novos casos já foram tomadas. Assim como pessoas mais próximas as crianças estão sendo submetidas a exames e recebendo medicação

“A partir do mês de julho será realizada vacinação em massa de crianças com idade entre um e 12 anos , com a vacina ACWY e Meningo tipo B”, diz a nota.

A Meningite bacteriana, também chamada de meningite meningocócica, é a inflamação das meninges causada por bactérias. Mais de 80% dos casos de meningites são provocados por infecção bacteriana.

 Causas – Três bactérias podem causar meningite bacteriana. Elas são Neisseria meningitidisHemophilus influenzae e Streptococcus pneumoniae. Essas três encontram-se normalmente no meio ambiente e podem inclusive viver no nariz ou no aparelho respiratório de uma pessoa sem provocar qualquer dano.

De maneira ocasional, estes organismos infectam o cérebro sem que se possa identificar a razão disso. Em outros casos, a infecção se dá por meio de uma ferida na cabeça, ou pode ser provocada, ainda, por uma anomalia do sistema imunológico.

Riscos – As pessoas com maior risco de ter meningite bacteriana são as que apresentam infecção crônica do ouvido e do nariz, pneumonia e que fazem uso abusivo de bebidas alcoólicas. A doença também é mais comum em crianças de um mês a dois anos de idade e ocorre com mais frequência no inverno ou na primavera. Ela pode causar epidemias locais em internatos, dormitórios estudantis ou bases militares

Por Sandra Santos
Fonte: Ascom e Ministério da Saúde

Você pode Gostar de:

Pescador de 56 anos está desaparecido em Barra do Itabapoana

O pescador Geraldo Ayres Rosa, de 56 anos está desaparecido desde a noite do último …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *