Home / Santo Antônio de Pádua / Termina o mistério em Santo Antônio de Pádua, mulher desaparecida encontrada morta em cova rasa

Termina o mistério em Santo Antônio de Pádua, mulher desaparecida encontrada morta em cova rasa

A dona de casa Maria de Fátima Pires de Azevedo, 38 anos, que estava desaparecida desde o dia 23 de junho. nesta quinta-feira (12), foi encontrada morta e enterrada em um terreno, ao lado de sua própria residência, no bairro Divinéia, em Pádua.

O corpo de Maria de Fátima estava enterrado em uma cova bem rasa de aproximadamente 50 centímetros. Um suspeito está preso. O homem, cujo nome não foi divulgado pela Polícia, que teria comparecido na 136 Delegacia de Polícia de Pádua, levou os agentes civis até o local.

A polícia ainda não sabe como a vítima foi morta, como também desconhece as causas dessa barbáre. No dia do desaparecimento de Fátima, familiares tentaram façar com ela, mas não obtiveram resposta. Dois dias depois decidiram em registrar o desaparecimento na delegacia.

A dona de casa morava sozinha e nada de dentro da casa a filha deu por falta. A polícia acredita em crime passional.

O corpo da dona de casa, foi retirado pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para o Instituto Médico Legal  (IML) de Itaperuna, em seguida será liberado para sepultamento.

Mais informações em instantes

Por: Sandra Santos

Você pode Gostar de:

Seminário debate contradições e potencialidades de Campos dos Goytacazes

As “singularidades, contradições e potencialidades de Campos” esteve em debate no início deste mês no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *