Home / Educação e Cultura / XI Congresso Fluminense de Iniciação Científica e Tecnológica e IV Congresso Fluminense de Pós-Graduação começa na próxima segunda feira (24) na Uenf

XI Congresso Fluminense de Iniciação Científica e Tecnológica e IV Congresso Fluminense de Pós-Graduação começa na próxima segunda feira (24) na Uenf

Começa nesta segunda-feira, 24/06/19, na UENF, o maior evento científico do interior do Estado: o XI Congresso Fluminense de Iniciação Científica e Tecnológica e IV Congresso Fluminense de Pós-Graduação, que reúne as três instituições de ensino superior públicas de Campos dos Goytacazes: UENF, IFF e UFF. Com o tema “A ciência e os caminhos do desenvolvimento”, o evento será aberto oficialmente às 14h, no Centro de Convenções da UENF, com a presença de autoridades das três instituições envolvidas. Em seguida, a professora Débora Foguel (UFRJ) ministra a conferência de abertura.

O Congresso se estende até sexta-feira, 28/06/19, e engloba o 24º Encontro de Iniciação Científica da UENF, o 16º Circuito de Iniciação Científica do IFFluminense e a 12ª Jornada de Iniciação Científica da UFF. Também haverá apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos bolsistas dos projetos aprovados na Edição 2018-2019 do Programa Municipal de Bolsas de Iniciação Científica, Iniciação Tecnológica e de Extensão (Viva a Ciência) da Prefeitura Municipal de Campos dos Goytacazes.

A Iniciação Científica e Tecnológica é uma modalidade de pesquisa desenvolvida por alunos de graduação sob a orientação de pesquisadores das instituições de ensino superior brasileiras. Os Programas Institucionais de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) e Iniciação Tecnológica (PIBITI) têm o objetivo de fomentar a participação de estudantes de graduação em pesquisas e conta com bolsas financiadas por agências de fomento, principalmente CNPq e FAPERJ.

Estes programas estimulam a maior articulação entre os estudantes da graduação e da pós-graduação, e o envolvimento de pesquisadores na formação acadêmico-científica dos discentes. As pesquisas desenvolvidas pelos estudantes de Iniciação Científica e Tecnológica contribuem para o desenvolvimento regional, para o avanço técnico-científico do país e para a solução de problemas em suas áreas de atuação.

Por: Ascom-Uenf

Você pode Gostar de:

Pescador de 56 anos está desaparecido em Barra do Itabapoana

O pescador Geraldo Ayres Rosa, de 56 anos está desaparecido desde a noite do último …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *